terça-feira, novembro 09, 2010

Quando a música do céu toca alguém.

Em um sábado desses estava eu indo para o culto jovem da Igreja Betesda.
Enquanto me arrumava, ouvia músicas do céu e ouvi um barulho da porta como se alguém tivesse entrando em casa, mas pensei que fosse de outro apartamento. Poucos minutos depois vi que uma das meninas que mora comigo estava lá na sacada da sala chorando. Deixei ela lá pq parecia que estava refletindo com a música ao fundo.
Quando estava saindo para o culto fiz o convite: "Vamos? Vai ser culto jovem, vai ficar bem legal." Ela não quis. Tudo bem. Fui e orei muito por ela. Já tinha dias que estava orando por ela pq realmente existia um vazio enorme naquele peito onde o grito de silêncio deixava meus olhos empedrados para não chorar. Pq o caminho é fácil, basta segui-lo, por isso q não entendo o pq de tanto sofrimento em uma pessoa que tem perfeitas condições para andar, viver, correr, enxergar, sorrir, e ainda por cima fala que é infeliz. Ah meu Deus!!! Perdoe este que não sabe o que fala. Mas enfim. Quando cheguei em casa chorando conversou comigo, disse que quando eu sai para ir à Igreja, a música tocou seu coração, ajoelhou, ali, na sala mesmo, em frente ao sofá, chorando, pediu perdão a Deus.
No último encontro com a célula, o grupo de oração, Jee, uma amiga da Igreja, me lembrou de uma coisa que não estava recordando naquele momento: que eu estava orando a Deus pra me tirar dessa casa, que ou era pra Deus preparar outro lugar pra mim ou era pra todas que moram comigo seguir o mesmo Deus que sigo hoje.
Glória a Deus!!! Deus já começou a fazer sua obra. Seu sopro irá fazer muito efeito em minha casa.
Vai aí uma dica: quando sentir-se triste, ouça música do céu, louvores de adoração. Assim como te acalma, liberta, te deixa leve como uma pena e quente como fogo, firme na presença do Senhor e pra variar, de cara, ganha mais vidas.

Nenhum comentário: